neo concepts
Contos Eróticos da vida real
atreva-se a publicar o seu e surpreenda-se com o feedback (agora 100% abertos)
  

Conhece um conto erótico digno de ser partilhado?


O Seu Nome* : O Seu Email* :   * Deseja Receber Notificação? :
* O SEU EMAIL NUNCA será divulgado ao público. Serve apenas para você receber as notificações do seu conto.

Obrigatório: Qual o título deste conto:  

Palavra Chave/TAG 1:    escreva 4 palavras/tags que definam o seu conto,
Palavra Chave/TAG 2:    o seu conto ficará associado a estas palavras chave.
Palavra Chave/TAG 3:   
Palavra Chave/TAG 4:   

Associar uma Imagem:    Opcional. Pode associar uma imagem ou foto ao seu conto. Imagens de Sexo explícito são proibidas.
Categoria Temática:

Descreva pormenorizadamente o seu conto erótico.
Anti-spam* (ESCREVA APENAS OS 3 SÍMBOLOS A PRETO):      captcha image   



COISAS QUE NÃO CONSIGO ESQUECER.




Último post na Rede Social para adultos
"Par Compatível 18+". Faça a sua conta. É Grátis:

madalena publicou o seguinte:

Sou muito safada, adoro sexo e adorei esta rede social. Fazia falta um local assim. Adoro chupar um pau grosso e quente.

cavaleiro gostava de te conhecer sua safada, também adoro sexo e gosto de mulheres que me chupem o pau adoro dar o meu leitinho quentinho, ...
luiggi nossa podemos nos dar mt bem pelo visto ...

Este conto foi lido 5234 vezes.
Depois de ler este conto, porque não uma visitinha a estes desabafos Sexys:

Confissão: Fotos da minha mulher
Eu confesso que os primeiros 20 homens que deixarem seu whatsapp aqui farão parte de um grupo criado...

Publicado em 25 April 2014 | 12:24 pm
Confissão: Fotos da minha mulher
Eu confesso que os primeiros 20 homens que deixarem seu whatsapp aqui farão parte de um grupo criado...

Publicado em 25 April 2014 | 12:17 pm


E agora... O conto de joana andrade :

OLÁ GALERA, SOU A MELINE E QUERO COMPARTILHAR UM POUCO DE MINHA VIDA E EMBORA TENHA FICADO UM POUCO EXTENSO ACHO QUE VALE APENA LER.

SEMPRE FUI MUITO SAPECA E EXTROVERTIDA AO CONTRARIO DE MINHA IRMÃ GEMEA IDENTICA QUE É MUITO TRANQUILA E SOSSEGADA.

LEMBRO ME QUE BEM NOVINHA ADORAVA ME EXIBIR VESTINDO A CALCINHA AO CONTRARIO PUXANDO ELA BEM PARA CIMA PARA QUE FICASSE BEM ENTERRADINHA NA BUNDA ESTUFANDO A PEQUENA PERIQUITA SEMPRE DANDO UM JEITO DE SENTAR COM AS PERNAS ABERTAS OU FICAR DE BUNDINHA PARA CIME NAS BRINCADEIRAS INOCENTES DEIXANDO QUE TODOS SE DELICIASSEM COM MINHA BUNDA PEQUENA E APETITOSA, TUDO ISSO QUANDO MEUS PAIS NÃO ESTAVAM EM CASA É CLARO PORQUE CASO CONTRÁRIO MAMAE ME ESPANCARIA ISTO POR TER TIDO UMA FORMAÇÃO MUITO RIGIDA CASANDO COM O PRIMEIRO E ÚNICO NAMORADO, SEGUNDO ELA.

MORAVA EM UM CHACARA CERCADA POR MATA DENSA COM A RUA PRINCIPAL PASSANDO BEM EM FRENTE A NOSSA CASA E NOS FUNDOS UM TERRENO GRAMADO COM UM BELO POMAR E UM RIACHO NO FUNDO DO VALE ONDE COSTUMAVAMOS NOS REUNIR FAZENDO PIQUE NIK E TOMAR BANHO DE CACHOEIRA COM UM MORRO SEPARANDO O LIMITE DO SITIO TENDO UMA ESTRADINHA ACIMA E ESTA DAVA PARA OS SITIOS VIZINHOS.

ESTUDAVAMOS PELA MANHA FICANDO O RESTO DO DIA ATOA E SOZINHAS EM CASA E ENQUANTO MINHA IRMÃ SE AFOGAVA NOS ESTUDOS TRANCADA EM SEU QUARTO APROVEITAVA PARA VESTIR SHORTINHOS BEM ENTERRADINHOS SEMPRE SEM CALCINHA COM A CAMISETA AMARRADA NA CINTURA FICANDO COM A BARRIGA DE FORA E ASSIM PASSEAVA PELO SITIO E NA MATA PROXIMO DE CASA LOCAL QUE BEM CONHECIA SEMPRE ACOMPANHADA POR TRES DE MEUS CACHORROS O QUE ME DAVA PROTEÇÃO DEIXANDO ME BEM TRANQUILA E SEGURA.

QUANDO COMPLETEI TREZE ANOS TINHA O CORPO BEM DEFINIDO COM CABELOS LONGOS DE CACHOS LOIROS COM A BUNDA ARREBITADO SEIOS GRANDES PARA MINHA IDADE, COISAS DE FAMILIA, E PARA DESESPERO PRINCIPALMENTE DE MAMAE JÁ FICAVA COM ALGUNS MENINOS DA ESCOLA ONDE ERA MUITO ASSEDIADA ATE MESMO PELOS PROFESSORES POR SER MUITO BONITA E GOSTOSA APESAR DA POUCA IDADE.

APESAR DE SER BEM SAPECA NÃO TINHA MALICIA NENHUMA E O ASSUNTO SEXO ERA PROIBIDO EM NOSSA CASA.

ISSO COMEÇOU A MUDAR NAQUELE DIA QUE NÃO TIVEMOS AULA POR CONTA DA FORTE CHUVA NA NOITE ANTERIOR NEM MEUS PAIS FORAM TRABALHAR E ASSIM SEM NADA PARA FAZER COLOQUEI MEU VESTIDO CASUAL CALCINHA DO JEITO NORMAL PORQUE MEUS PAIS ESTAVAM EM CASA E FUI ESTUDAR SENTANDO NUM BANQUINHO FEITO DE TRONCO DE UMA ARVORE ENTRE O POMAR E A MATA SENDO QUE DALI TINHA TOTAL VISAO DA RUA ACIMA E QUEM POR ALI PASSASSE TERIA TAMBEM VISAO COMPLETA DE MIM ENQUANTO MEUS CACHORROS ME RODEAVAM O QUE ME DEIXAVA BEM TRANQUILA E SEGURA.

ESTAVA COM O PENSAMENTO NO MEIO DAQUELAS EQUAÇOES FRAÇÕES E OUTAS FORMULA CHEGANDO A ME ASSUSTAR COM O LATIDO DE MINHA CADELA E ASSIM VI ELA SENDO ENRRABADA POR OUTRO CACHORRO QUE METIA ALUCINADO NELA QUE CALMAMENTE COMO BOA E EDUCADA DAMA AGUENTAVA FIRME ELE DENTRO QUE DESESPERADO METIA E TENTAVA A TODO CUSTO AFASTAR OS OUTROS DOIS QUE A QUERIAM TAMBEM.

VENDO ELE SOCANDO FRENTICAMENTE NELA QUE GEMIA ABAFADO DE CABEÇA BAIXA E OS OUTROS COM SEUS PORRETES AVERMELHADOS SE ESFREGANDO NELA SENTI O CORPO TREMER COM UM CALOR GOSTOSO NA BOCETINHA E ASSIM INSTINTIVAMENTE OLHEI EM DIREÇÃO A MINHA CASA E NÃO VENDO NINGUEM LEVANTEI O VESTIDO SEM IMPORTAR COM UM SENHOR COM SEU JIPE ATOLADO NA SUBIDINHA E DE ONDE ESTAVA APESAR DA DISTANCIA TINHA TOTAL VISAO DE MIM QUE JÁ ESTAVA COM A BARRA DO VESTIDO NA CINTURA COM MINHA CALCINHA BRANCA DE ALGODAO TODA A MOSTRA E ASSIM SENTINDO O CORPO FERVER LEVANTEI FICANDO DE COSTA PARA ELE ENQUANTO O VESTIDO FOI PARAR NO CHAO FICANDO SOMENTE DE CALCINHA E ASSIM CAMINHEI ATE UMA PEQUENA ARVORE DEITANDO NAQUELE GALHO ABRINDO BEM AS PERNAS ALISANDO A XANINHA POR CIMA DA CALCINHA CHEGANDO A ARFAR PORQUE QUANTO MAIS ESFREGAVA A MAO MAIOR ERA O PRAZER TENDO MEU PRIMEIRO ORGASMO MESMO SEM SABER QUANDO AFASTEI A CALCINHA DE LADO E MASSAGIEI MINHA BOCETA COM FORÇA CHEGANDO A MIJAR TAMANHO O PRAZER QUE AQUILO ME PROPORCIONAVA.

APROVEITANDO AS MAOS MOLHADAS COM MEU GOZO E MIJO, ALISEI TODO O CORPO DANDO MAIOR ATENÇÃO AOS SEIOS ENQUANTO MINHA CALCINHA IA PARA O CHAO JUNTO AO VESTIDO TENDO OUTRO EXTRONDOSO ORGASMO CHEGANDO A CAIR TAMANHO O PRAZER QUE AQUILO ESTAVA ME DANDO E VOLTANDO COM OS DEDOS PARA A BOCETA JUDIEI DELA COM DEDADAS CADA VEZ MAIS FRENETICAS CONSEGUINDO ME CONTER NÃO ENFIANDO NENHUM DEDO EMBORA ESSE FOSSE MEU DESEJO E AINDA GOZANDO OUVI ALGUEM COMENTAR ALGO LONGE E AO OLHAR DEPAREI COM O SENHOR E OUTROS DOIS HOMENS SE DELICIANDO COM MINHA CENA E ASSIM FICANDO DE QUATRO REUNINDO FORÇAS PARA LEVANTAR NÃO CONSEGUI IMPEDIR MINHA CADELA DE LAMBER MINHA BOCETA E O CU MESMO ESTANDO ENGATADA COM OUTRO CACHORRO ENQUANTO OUTROS BRIGAVAM ACHO QUE PARA SABER QUEM ERA O PROXIMO A METER NELA E ALUCINADA GEMIA CADA VEZ MAIS ALTO COM AS LINGUADAS EM MEU CU E BOCETA DEIXANDO ME MORTINHA SEM FORÇA ATE PARA GEMER DE TANTO QUE GOZEI..

ESTAVA EM ESPASMO QUANDO ELA SAIU DE MIM E AO ME VIRAR VI SOMENTE O SENHOR ALI PERTO DO CARRO OLHANDO COM CARA DE TARADO PRA MIM QUE TENCIONANDO PEGAR UM DOS MEUS CACHORROS PARA LAMBER MINHA BOCETA MESMO QUE FOSE A FORÇA VI MAMAE E PAPAI PARADO CONVERSANDO PROXIMO A NOSSA CASA ENQUANTO FALAVAM E ACENAVAM PARA O SENHOR E ASSIM MAIS QUE DEPRESSA ME VESTI CORRENDO PARA O POMAR INDO DISCRETAMENTE PARA A BEIRA DO RIACHO ONDE SENTEI NUMA DAS PEDRAS COM OS PES DENTRO D’AGUA FINGINDO ESTAR ALHEIA A TUDO NÃO DANDO IMPORTANCIA PARA OS GRITOS DE SOCORRO QUE VINHA DA MATA ENQUANTO PAPAI COM SEU REVOLVER NA MAO CORREU PARA LÁ ENQUANTO MAMAE VEIO ME PEGAR ME ARRASTANDO PRATICAMENTE PARA DENTRO DE CASA TRANCANDO NOS SÓ SE ACALMANDO QUANDO VIU PAPAI CHEGAR COM UM DOS RAPAZES COM A PERNA TODA ENSANGUENTADA PELAS MORDIDAS DE NOSSO CACHORRO E ENQUANTO MAMAE DAVA OS PRIMEIROS SOCORROS ME TRANQUEI EM MEU QUARTO COM O CORAÇÃO A MIL MORRENDO DE MEDO DELE CONTAR ALGUMA COISA ENQUANTO SENTIA A BOCETINHA INCHAR NUM DESEJO ESTRANHO E UMA VONTADE IMENSA E INESPERADA DE SER POSSUIDA.

TRANCADA EM MEU QUARTO PRESTAVA ATENÇÃO NA CONVERSA DELES E ASSIM DESCOBRI QUE ERA VELHO CONHECIDO DE MEU PAI E AINDA SENTADO NA CADEIRA ENQUANTO MAMAE IA PARA O BANHEIRO GUARDAR O KIT DE PRIMEIROS SOCORROS E PAPAI FOI PEGAR O CARRO PARA O LEVAR EMBORA DALI VI ELE SEGURANDO FIRME MINHA IRMÃ PELO BRAÇO TENTANDO BEIJAR LA A FORÇA FALANDO UM MONTE DE BOBEIRINHAS SÓ SOLTANDO A PORQUE OUVIU MAMAE VOLTANDO E ASSIM QUE FORAM EMBORA FUI TODA RESABIADA SABER DE MINHA IRMÃ O QUE TINHA ACONTECIDO FINGINDO NADA SABER E APÓS SEU RELATO PERGUNTEI PORQUE AQUELE HOMEM TENTOU AGARRA-LA COM ELA ME CONTANDO QUE ELE ERA LOUCO PORQUE DISSE QUE ADOROU O SHOWZINHO E QUE QUERIA METER NELA DE QUALQUER JEITO.

UM POUCO PREOCUPADA E MUITO EXCITADA FINGI DE NADA SABER E FUI ME BANHAR ONDE MORRI DE TANTO PRAZER COM OS DEDOS FIRMES MASSAGEANDO A BOCETA QUE FICOU ATE ARDIDA E POR MUITO TEMPO NÃO DEI SOSSEGO PARA ELA CHEGANDO A FICAR COM OLHEIRAS DE TANTO GOZAR NAS MADRUGADAS EM QUE ME DERRETIA TODA COM MINHA NOVA E RESCENTE DESCOBERTA.

PASSADO ALGUM TEMPO DESTE ACONTECIDO ME TORNEI MAIS PUTINHA E SEM VERGONHA E ALGUNS MENINOS SÓ NÃO ME COMIAM PORQUE AINDA ERAM BOBINHOS MESMO COMIGO ME INSINUANDO PARA ELES DEIXANDO QUE PASSASSEM AS MAOS EM MEUS SEIOS MINHA XANINHA E BUNDA FICANDO CADA VEZ MAIS LOUQUINHA POREM NENHUM DELES SE ATREVIA A METER EM MIM E TADINHA DE MINHA PERIQUITINHA QUE CHEGAVA A CHORAR DE PRAZER COM MINHA MAO BELISCANDO MASSAGEANDO E ATE PUXANDO MEU GRELO ONDE ME DERRETIA EM GOZADAS MULTIPLAS ME CONSUMINDO EM DESEJO DE SER POSSUIDA E DE TAO VICIADA EM MASTURBAÇÃO FIQUEI DOENTE.

ESTA FOI UMA EPOCA MUITO DIFICIL PARA MINHA FAMILIA PORQUE PAPAI FOI GERENCIAR UMA DAS EMPRESAS EM CAMPINAS, MAMAE RECEBEU UMA PROMOÇÃO TORNANDO SE CHEFE DE SETOR EM SEU DEPARTAMENTO E ASSIM A SOLUÇÃO MAIS VIAVEL FOI MEUS AVÓS VIREM MORAR CONOSCO DEIXANDO A FAZENDA NO SUL DE MINAS AOS CUIDADOS DE MEUS TIOS.

VOVÓ TEM CINQUENTA E CINCO ANOS E VOVÔ SESSENTA MESMO ASSIM ELA VIVE RECLAMANDO QUE NÃO ESTA DANDO CONTA DO ‘VELHO SAFADO’ COMO COSTUMA CHAMAR MEU AVÔ E POR SEREM BEM DESCONTRAIDOS AO CONTRARIO DE MEUS PAIS VOVÓ TEM CONVERSADO MUITO COMIGO E MINHA IRMA ENSINANDO NOS O QUE É TRANSAR E MESMO AVISANDO QUE É UMA DAS COISAS MAIS GOSTOSA DO MUNDO TAMBEM NOS ALERTOU DOS RISCOS E PERIGOS ENSINANDO NOS O PORQUE DEVEMOS TRANSAR SOMENTE COM NOSSOS MARIDOS E ISSO ME DEIXOU AINDA MAIS TESUDA E ANSIOSA PARA SENTAR NO PORRETE POREM AGORA NÃO MAIS COMO UMA DEVASSA E SIM COM MUITA RESPONSABILIDADE.

COM OS CHAS CANJAS CALDOS E SOPINHAS DE VOVÓ EM POUCO TEMPO ESTAVA CURADA E COM SUAS CONVERSAS E ENSINAMENTOS JÁ NAO ESTAVA FISSURADA EM SEXO EMBORA AINDA MUITO DESEJOSA E VOVÓ SE TORNOU MINHA AMIGA CONFIDENTE ENQUANTO MINHA IRMAZINHA SE AFINAVA CADA VEZ MAIS COM VOVÔ CHEGANDO A SENTAR EM SEU COLO ENQUANTO ELE CONTAVA ESTORIAS OU LIA PARA ELA.

COM A ESTADIA DE MEUS AVÓS EM CASA PASSEI A DIVIDIR O MESMO QUARTO COM MINHA IRMA E NUMA NOITE SEM CONSEGUI DORMIR OUVIMOS GEMIDINHOS ABAFADOS PELA CASA E INSENTIVADA POR MINHA IRMA FOMOS SORRATEIRAMENTE VER O QUE ESTAVA ACONTECENDO CHEGANDO EM FRENTE AO QUARTO DE NOSSOS PAIS E POR ESTAR TUDO QUIETO E ESCURO ACHAMOS SER IMPRENSAO NOSSA E QUANDO RETORNÁVAMOS OUVIMOS UM AI ABAFADO VINDO DO QUARTO DE VOVÓ E ASSIM FOMOS PE ANTI PE VER O QUE ACONTECIA FICANDO ESTARRECIDAS CHEGANDO A QUASE NOS ESTAPIAR PARA OLHAR PELA FECHADURA ONDE VOVÓ DE QUATRO NA BEIRADA DA CAMA GEMIA MORDENDO O LENÇOL ENQUANTO VOVÕ DE PE ATRAS DELA METIA TUDO AQUILO NELA COM VOVÓ DENUNCIANDO QUE ELE ESTAVA COMENDO LHE O CU PORQUE RECLAMOU ALTO COM ELE AFIRMANDO QUE ELE SABE QUE ELA NÃO AGUENTA DAR O CU PARA ELE QUE QUANTO MAIS VOVÓ RECLAMAVA CHORAMINGANDO ABAFADO PEDINDO PARA QUE GOZASSE LOGO ELE INTENSIFICAVA AS METIDAS SAINDO QUASE TODO PARA FORA DELA FAZENDO OS OLHOS DELA ENCHEREM DE LAGRIMAS QUANDO ATOLAVA SEM DÓ TUDO AQUILO PARA DENTRO DELA ENQUANTO EU E MINHA MANINHA PRERPLEXA NÃO ACREDITAVÁVAMOS QUE ALGUEM PUDESSE AGUENTAR TUDO AQUILO DENTRO DE SI.

VOVÓ GEMENDO CADA VEZ MAIS, MINHA IRMA NÃO SEDENDO ESPAÇO PARA QUE OLHASSE TAMBEM E ASSIM MESMO CONTRARIADA ELA ME SEGUIU DE VOLTA PARA O QUARTO MUITO MAIS PELO MEDO DE MEUS PAIS ACORDAREM E NOS FLAGAR ALI BESBILHOTANDO NOSSOS AVÓS.

DEITADA EM MINHA CAMA TORCIA PARA QUE MINHA IRMA DORMISSE LOGO PARA PODER ACALMAR MINHA DANADINHA QUE ARDIA DE DESEJO E PARA MEU DESESPERO MESMO FINGINDO QUERER DORMIR MINHA IRMA PUXAVA CONVERSA COMIGO DEIXANDO ME CADA VEZ MAIS PUTA DA VIDA E ASSIM ESTANDO PRESTE A DAR UM ESPORRO EM MINHA IRMAZINHA ELA DISSE:

- MEL, EU POSSO DEITAR AI JUNTO COM VOCÊ?

SENTI DESEJO DE TORCER O PESCOÇO DELA AO OUVIR ISSO E AO MESMO TEMPO PENSANDO MIL COISAS E ANTES MESMO DE RESPONDER MINHA IRMA SE JOGOU AO MEU LADO DEITANDO ABRAÇADA COMIGO DEIXANDO UM DE SEUS BRAÇOS ENCIMA DE MINHA BARRIGA E UMA DAS PERNAS ENCIMA DA MINHA COM A CABEÇA BEM PROXIMO A MEU ROSTO ME INEBRIANDO COM O CHEIRO DE SEU SHAMPOO ENQUANTO MEU BRAÇO ERA PRESIONADO LEVEMENTE POR SEUS SEIOS QUENTES E MACIOS FAZENDO ME ACENDER MAIS EM DESEJOS E VONTADE DE ATRACAR EM SEU CORPO DELICIOSO QUE ASSIM COMO O MEU PARECIA ESTAR ENLOUQUECIDO PARA SER LAMBIDO CHUPADO E MORDIDO POREM O MEDO E INCERTEZAS NÃO ME DEIXAVA IR ALÉM E ASSIM DISCRETAMENTE LEVEI UMA DAS MAOS EM MINHA BOCETA MASSAGEANDO COM TODO CUIDADO SENTINDO A CALCINHA CADA VEZ MAIS MOLHADA E ESTANDO PRESTE A TER UM PEQUENO ORGASMO FIQUEI ESTASTICA QUANDO MINHA IRMAZINHA SE MEXEU VIRANDO DE COSTAS PARA MIM PEDINDO QUE APAGASSE A LUZ E ENQUANTO VIA ELA SE MEXENDO MUITO PENSANDO ESTAR SE ARRUMANDO NA CAMA LEVENTEI APAGANDO A LUZ E VOLTANDO A DEITAR VENDO SEU CORPO NA PENUMBRA INERTE DEITEI BEM DEVAGARINHO NA BEIRADA DA CAMA TORCENDO PARA QUE DORMISSE LOGO PARA PODER ME DELICIAR COM MINHAS SIRIRICAS.

PASSADOS ALGUNS MINUTOS PENSEI QUE JÁ TINHA DORMIDO E ASSIM COM MUITO CUIDADO LEVEI UMA DAS MAOS ENFIANDO DENTRO DE MINHA CALCINHA ESPALMANDO TODA EXTENSAO DE MINHA PERIQUITA E PRECIONANDO OS LABIOS ENTRE OS DEDOS INDICADOR E ANELAR AFUNDAVA O DEDO MEDIO BEM NA ENTRADA DE MINHA BOCETA QUASE ME AFOGANDO DE PRAZER POR NÃO PODER GEMER COMO DE COSTUME.

ESTAVA EM TRANSE E PARA MINHA SURPRESA E DESESPERO MOMENTANEO ELA ME CHAMOU PARA MAIS PERTO DELA E AO ENTRAR EMBAIXO DOS LENÇOIS JUNTO A ELA QUASE MORRI DE TESAO MEDO E SURPRESA QUANDO ELA ME ABRAÇOU COLANDO SEU CORPO AO MEU DEIXANDO SUA BOCA BEM PROXIMA DA MINHA FAZENDO ME DELICIAR COM SEU HALITO QUENTE ENQUANTO SENTIA SEU CORPO NU ABRAÇANDO O MEU COM ELA DIZENDO:

- VAI MANINHA, FICA PELADINHA TAMBEM E CONTINUA O QUE VOCE ESTAVA FAZENDO!

SENTINDO O CORAÇÃO A MIL ENQUANTO SUAS MAOS AJUDANDO AS MINHAS ARRANCARAM MINHA CAMISOLINHA E ENQUANTO JOGAVA LONGE ESTREMECI COM SUAS MAOS MACIAS PEGANDO A LATERAL DE MINHA CALCINHA PUXANDO A PARA BAIXO TIRANDO A DE MIM ENQUANTO SEM NADA DIZER ELA GRUDOU SUA BOCA NA MINHA NUM BEIJO TENRO E MAGICO ONDE TIVE UM LEVE ORGASMO COM ELA DEITANDO ENCIMA DE MIM COLANDO NOSSOS SEIOS COM SUA COXA ENTRE MINHAS PERNAS PRECIONANDO MINHA BOCETA ENQUANTO EU ALUCINADA ERA ESCULACHADA PELA NINFETINHA QUE JULGAVA SER BOBINHA E AO CONTRARIO DO QUE PENSAVA ERA MUITO ESPERTA ME ENSINADO A BEIJAR E QUANDO DESCEU SERPENTEANDO SEU CORPO AO MEU ‘MORRI’ COM SUA BOCA EM MEUS SEIOS LAMBENDO ORA UM ORA OUTRO DE FORMA APAIXONANTE FAZENDO ME ARAFAR EM GOZADAS MULTIPLAS ENQUANTO SEUS DEDOS ERAM CHUPADOS POR MINHA BOCA COM ELA VEZ OU OUTRA TAPANDO PARA QUE NÃO GEMESSE ALTO POREM QUANDO SUA BOCA DESCEU LAMBENDO E BEIJANDO MINHA BARRIGA UMBIGO COM ELA SE POSICIONANDO ENTRE MINHAS PERNAS FORÇANDO ME A ME ABRIR TODA FICANDO TODA ARREGANHADA ESTREMECI COM ELA LAMBENDO BEIJANDO DANDO CHULOES EM MINHAS VIRILHAS E PARANDO COM SUA BOCA BEM ENCIMA DE MINHA BOCETA FEZ ME SENTIR SEU HALITO QUENTE FAZENDO ME ESTREMECER FICANDO ARREPIADA E QUANDO SENTI ELA ABOCANHAR TODA EXTENSAO DE MINHA BOCETA DELIREI EM ESPASMOS SENTINDO ELA SUGAR MEUS LABIOS VAGINAIS ENQUANTO SUA LINGUA SERPENTEAVA EM MEU GRELO INDO BEM NA ENTRADA DE MINHA BOCETA FAZENDO ME EXPLODIR DE PRAZER EM GOZADAS SUSSESSIVAS E AVASSALADORAS ENQUANTO ESTAPIANDO A LATERAL DE MINHA BUNDA MANDAVA ME FICAR QUEITA E ASSIM TIVE QUE MORDER A MAO PARA CONSEGUI ABAFAR OS GEMIDOS ENQUANTO ELA CADA VEZ MAIS ALUCINADA PARECIA QUERER ENTRAR EM MIM FAZENDO ME DESFALECER DE TANTO PRAZER EM GOZADAS AVASSALADORAS E INTENSAS.

ESTAVA MORTINHA COM O CORPO AINDA EM ESPASMOS QUANDO ELA VEIO BEIJAR MINHA BOCA NOVAMENTE FAZENDO ME SENTIR O GOSTO DO MEU GOZO E SE POSICIONANDO DEITADA AO MEU LADO ME PUXOU PARA CIMA DELA AVISANDO:

- AGORA É MINHA VEZ, VEM ME FAZER GOZAR TAMBEM.

ENQUANTO BEIJAVA SUA BOCA SENTIA A BOCETA ARDER COM MEU FOGO REACENDENDO E SOB SUAS ORIENTAÇOES DESCI LAMBENDO SEU PESCOÇO DEIXANDO ELA LOUQUINHA QUANDO MORDI SUA ORELHA E METI A LINGUA NELA SÓ ISSO JÁ LHE RENDEU UM ORGASMO, SEGUNDO ELA E QUANDO ALCANCEI OS SEIOS QUE SÃO DE MEDIOS PARA GRANDE ASSIM COMO OS MEUS ME DELICIEI FAZENDO ELA SE CONTORCER EM MINHA BOCA ANUNCIANDO PEQUENOS ESPASMOS DE GOZO E AO CONTRARIO DELA QUE JUDIOU DE MIM DESCI COM A BOCA DIRETA PARA SUA XANINHA QUE MAIS PARECIA UM VULCAO E MESMO NÃO ENTENDENDO O QUE ELA ME MANDAVA FAZER PORQUE SE PERDIA ENTRE FALAR E GEMER MAMEI FEITO CRIANCA EM SUA XANINHA DEIXANDO ELA ALUCINADA PRINCIPALMENTE QUANDO SUGAVA FEITO LOUCO METIA A LINGUA NO FUNDO DE SUA BOCETA PORQUE ME CONFESSOU NÃO SER MAIS VIRGEN FIZ ELA URRAR DE PRAZER QUANDO PRENDIA SEU GRELINHO ENTRE MEUS LABIOS PUXANDO OS LEVEMENTE E QUANDO ESCAPAVAM METIA A BOCA FORTE EM SUA XANINHA LAMBENDO SERPENTEANDO A LINGUA DENTRO DELA FAZENDO TUDO DE NOVO ATE EXPLODIR EM GOZADA AVASSALADOURAS ME PUXANDO PARA DEITAR AO SEU LADO ONDE OS BEIJOS ALUCINADOS E AVIDOS FORAM SE TORNANDO BEIJOS CALMOS ATE SE TRANSFORMAREM EM BITOCAS ONDE DORMIMOS ABRAÇADINHAS JURANDO NOS AMAR PARA SEMPRE.

DEPOIS DESTA DESCOBERTA BASTAVA NOS ESBARRAR PARA UMA PASSAR A MAO NA OUTRA E NA PRIMEIRA OPORTUNIDADE DAVAMOS UMA RAPIDINHA EM QUALQUER LUGAR ONDE O RISCO DE SERMOS PEGAS SÓ AUMENTAVA NOSSO TESAO E A NOITE NOS DELICIAVAMOS NOS AMANDO A NOITE TODA FICANDO CADA VEZ MAIS APAIXONADA UMA PELA OUTRA.

EM UMA DESSAS NOITES DEPOIS DE NOS AMARMOS CONVERSAVAMOS COM ELA ME CONTANDO QUE PERDERA O CABAÇO PARA UM NAMORADINHO MEU NUMA TARDE EM QUE ESTAVA NA CASA DELE POR SER AMIGA DE SUA IRMA QUANDO ELE CHEGOU DEPOIS DE ME DEIXAR EM CASA INDO DIRETO PARA O BANHEIRO ENQUANTO ELA E A IRMA FORAM OLHAR PELA FECHADURA E PELA PRIMEIRA VEZ VIU UM PENIS EM SUA VIDA ENQUANTO ELE SE ACABAVA NUMA PUNHETA E NESTE MOMENTO FIQUEI PUTA DA VIDA NÃO POR SER MEU NAMORADO MAIS POR PREFERIR BATER PUNHETA A ME COMER. MINHA IRMA CONTINUOU CONTANDO QUE ENQUANTO AINDA TOMAVA BANHO ELA PEDIU PARA USAR O BANHEIRO ALEGANDO ESTAR MUITO APERTADA E COM AJUDA DA IRMA CONVENCEU ELE A DEIXAR ENTRAR DEPOIS DE PROMETER NÃO OLHAR PARA ELE E SENDO MUITO SAFADINHA MINHA IRMA E SUA AMIGA AGARRARAM ELE ENQUANTO MINHA IRMA BEIJAVA SUA BOCA A FORÇA SUA IRMA AJOELHOU A SUA FRENTE PARA CHUPAR SEU PENIS ACABANDO COM TODA E QUALQUER RESISTENCIA ATE ENCHER A BOCA DA IRMA DE PORRA QUE FOI DIVIDIDA NA BOCA DE MINHA IRMA COM ELE SAINDO CORRENDO DALI ENQUANTO AS DUAS SE LAMBIAM E ENQUANTO SE BEIJAVAM SUA AMIGA LEVOU ELA PARA O QUARTO DE SEUS PAIS LAMBENDO MINHA IRMA TODINHA E ENSINANDO A COMO LAMBER TAMBEM E ESTANDO DE COM A BOCA ATRACADA NA BOCETA DA AMIGA O IRMAO VEIO POR TRAS E METEU A ROLA EM SUA BOCETA ARRANCANDO LHE O CABAÇO COM ELA CONFESSANDO QUE APESAR DA DOR NÃO PODE RESISTIR GOZANDO MUITO MOLHANDO O PENIS DO MENINO TODO QUE AO TIRAR DELA DEPOIS DE GOZAR RAPIDO DEIXOU ELA MUITO ASSUSTADA COM A GRANDE QUANTIDADE DE SANGUE QUE SAIA DE SUA BOCETA.

MINHA IRMAZINHA CONTOU QUE OS DOIS JUDIARAM DELA DEIXANDO A TODA ESFOLADA POREM SUA AMIGUINHA SE APAIXONOU POR ELA E NÃO DEIXOU QUE O IRMAO METESSE MAIS NELA AFIRMANDO QUE NAMOROU BASTANTE TEMPO COM ESSA AMIGA E AGORA NOA ESTAO MAIS JUNTAS POREM VEZ OU OUTRA AINDA SE LAMBEM PROMETENDO MARCAR UM ENCONTRO PARA NOS TRES.

ESTAVAMOS CADA VEZ MAIS BELAS LINDAS E EXUBERANTES DEIXANDO OS MARMANJOS BABANDO POR NOS E AGORA NAMORANDO MINHA IRMA NÃO QUERIA TER NINGUEM PELO MENOS ENQUANTO NAMORAVAMOS PORQUE HAVIAMOS JURADO FIDELIDADE UMA PARA A OUTRA.

ESTAVAMOS COM DESESSEIS ANOS E EM CASA ANDAVAMOS SEMPRE DE MINI SAIAS OU SHORTINHOS E EM UMA TARDE ENQUANTO MAMAE FORA COM MINHA AMADA E VOVÓ FAZER COMPRAS DEIXANDO EU E VOVÓ EM CASA E POR PARTILHAR MINHAS ROUPAS COM MINHA AMADA VESTI UM DE SEUS SHORTINHOS SENDO ELE AMARELINHO QUE EM CONSTRASTE COM NOSSOS CORPOS BRANQUINHOS FICA UMA DELICIA DELINEANDO BEM NOSSAS BUNDAS E ASSIM FUI PARA A COZINHA PREPARAR ALGO PARA COMER ENQUANTO VOVÓ DORMIA.

ESTAVA ACABANDO DE PREPARAR O SUCO QUANDO ELE CHEGOU ME AGARRANDO POR TRAS DIZENDO:

- OI QUELZINHA VOCÊ FICA UMA DELICIA COM ESSE SHORTINHO. É SÓ VOCÊ COLOCAR ELE QUE SEI QUE POSSO METER EM VOCE, VEM CHUPA O VOVÔ.

MESMO ESTARRECIDA E SURPRESA QUERENDO MESMO ERA METER A MAO NA CARA DAQUELE VELHO SAFADO POREM ME CONTIVE DEIXANDO VER ATE AONDE IA TUDO AQUILO FICANDO UM POUCO ENCIUMADA POR VOVÔ ESTA COMENDO MINHA NAMORADA SE FOR VERDADE VOU ARREBENTAR A CARA DELA, PENSEI.

AINDA PERDIDA EM PENSAMENTOS ME VI ABAIXADA SEGURANDO AQUELE PORRETE PENSANDO QUE JAMAIS AQUILO CABERIA EM MIM OU EM MINHA AMADA E COMO QUE INSTINTIVAMENTE COMECEI BEIJANDO A GLANDE E QUANDO DEI POR MIM TENTAVA ABOCANHAR TUDO AQUILO QUE ENCHEU TODA MINHA BOCA E AINDA SOBRAVA MUITO PRA FORA.

ESTAVA LOUCA E ALUCINADA ENQUANTO LAMBIA MORDIA E BEIJAVA TUDO AQUILO SENTINDO ELE CADA VEZ MAIS ERETO E JÁ ESTANDO COM A BOCA DORMENTE VOVÔ ME PEGOU PELOS CABELOS ME JOGANDO DE QUATRO ENCIMA DA MESA RASGANDO MEU SHORTS JUNTO COM A MINUSCULA CALCINHA FAZENDO ME ESTREMECER ENQUANTO PINCELAVA A GLANDE ENTRE MEUS LABIOS E QUANDO SENTI A GLANDE POSICIONADA NA ENTRADA DA XABNINHA MESMO COM O CORPO IMPLORANDO PARA QUE METESSE FALEI ENTRE GEMIDOS:

- NÃO SOU A PUTA DA RAQUEL SOU A MEL. NÃO METE NÃO VOVÕ EU NÃO AGUENTO SOU VIRGEN AINDA.

VOVÕ PAROU POR ALGUNS SEGUNDO ME PUXANDO PARA ELE SEGURANDO FIRME PELOS CABELOS ME FALOU:

- VOCE É PUTA IGUALZINHO A IRMA. VOU METER TUDO EM VOCE IGUAL METI NA PUTINHA DE SUA IRMA.

VOVÕ PARECENDO UM ANIMAL ME ARRASTOU PARA O QUARTO ME JOGANDO EM SUA CAMA ARRANCOU MINHA ROUPA E DEITANDO ENTRE MINHAS PERNAS LAMBEU MINHA BOCETA SALIVANDO MUITO EMBORA NÃO PRECISASSE PORQUE MESMO ESTANDO APAVORADA TORCIA PARA QUE ME FIZESSE MULHER E ASSIM LEMBRO ME DE PEDIR QUE FOSSE DE VAGAR QUANDO ELE DEITOU ENCIMA FAZENDO ME SENTIR A GLANDE PULSANDO ENTRE MEUS LABIOS PROCURANDO A ENTRADA DE MINHA BOCETA ENQUANTO ELE PINCELAVA AQUILO TUDO ENTRE MEUS LABIOS FAZENDO LEVE PRESAO NA ENTRADA E A CADA PINCELADA ELE PRECIONAVA VADA VEZ MAIS FORTE ATE QUE A GLANDE ROMPEU A ENTRADA JUNTO COM UM GRITO MEU ESTARRECEDOR ENQUANTO ELE PAROU VENDO ME CHORAR COPIOSAMENTE.

COM MUITA PACIENCIA VOVÔ TENTAVA ME ACALMAR FALANDO COISAS DELICIOSAS EM MEU OUVIDO DANDO BEIJOS CALIENTES E APAIXONANTES EM MINHA BOCA PEDINDO QUE OLHASSE PARA MINHA BOCETA AVISANDO QUE ELA ESTAVA IMPLORANDO PARA QUE METESSE TUDO NELA.

ELE SE APOIOU NAS MAOS ESTICANDO OS BRAÇOS PARA SUSTENTAR SEU CORPO E ASSIM ARQUIEI O MEU OLHANDO PARA MINHA XANINHA QUE PARECIA ABRAÇAR TUDO AQUILO CHEGANDO A ESTICAR MUITO PARA SUSTENTAR TUDO AQUILO QUE PARA MEU DESESPERO APENAS A GLANDE E UM PEQUENO PEDAÇO TINHA ENTRADO EM MIM QUE ALUCINADA SENTINDO A GLANDE PULSAR PEDI PARA QUE VOVÔ METESSE MAIS E AO FAZER ISSO IMPLOREI PARA QUE PARASSE PORQUE NÃO IA AGUENTAR E AINDA CHORANDO OUVI VOVÔ PEDINDO QUE FICASSE BEM RELAXADA QUE IA TIRAR ELE DE MIM AVISANDO QUE TINHA TENTADO TRES VEZES ATE CONSEGUI METER EM MINHA IRMAZINHA.

QUANDO ELE SAIU DE MIM ESTAVA UM POUCO SUJO DE SANGUE JUNTO A UM LIQUIDO VISCOÇO E ESBRANQUIÇADO COM VOVÔ ME MOSTRANDO AVISANDO SER MEU GOZO LEMBRANDO QUE MINHA BOCETA ESTAVA LOUCA PARA TE LO DENTRO DELA E QUE SÓ IA CONSEGUI SE TIVESSE UM POUCO MAIS DE CORAGEM.

VI OS OLHOS DE VOVO BRILHAREM QUANDO PEDI QUE DEITASSE NA CAMA VENDO SEU PENIS PARECENDO MAIS EROTO DO QUE ESTAVA E ASSIM ENQUANTO ELE GEMIA ELOGIANDO MEU CORPO QUA DE COSTAS PARA ELE SENTIA ELE ALISAR MINHA BUNDA AFIRMANDO SER MUITO BONITA E GOSTOSA IGUAL MINHA IRMÃ.

VOVO ESTAVA DEITADO COM AS PERNAS PARA FORA DA CAMA E SEGURANDO ME PELA CINTURA ESTREMECEU QUANDO SEGUREI SEU PORRETE DURO E QUANTE COMO FERRO DIRECIONANDO PARA A ENTRADA DE MINHA XANINHA E AO ENCOSTAR SUA GLANDE EM MINHA BOCETA DEIXEI O PORRETE DE VOVO MOLHADO COM O PRAZER QUE ESCORRIA DE MIM E ASSIM SENTEI SENTINDO AQUILO ABRIR CAMINHO DENTRO DE MIM ME DELICIANDO DE OLHOS FECHADOS SÓ CONSEGUINDO IR ATE ONDE JÁ TINHA IDO O QUE ESTAVA BOM DEMAIS POREM POR SER DETERMINADA QUERIA MAIS E ATE TENTEI POREM A DOR ERA INSUPORTAVEL ENQUANTO VOVO ALISAVA MINHAS COSTAS ATE ONDE ALCANÇAVA DISSE QUE GOZARIA ASSIM MESMO PEDINDO QUE FICASSE QUIETINHA PORQUE NÃO IA QUERER TIRAR DE MIM SEM ANTES GOZAR E QUANDO TENTEI ME APLUMAR MELHOR ENCIMA DAQUILO TUDO UMA DE MINHAS PERNAS ESCORREGOU CAINDO PARA FORA DA CAMA E ASSIM ENQUANTO VOVÕ URRAVA GOZANDO FEITO LOUCO DENTRO DE MIM QUE GRITAVA DESESPERADA SENTINDO AQUILO TUDO IR PARA EM MEU UTERO ENQUANTO ALUCINADA SENTIA OS JATOS DE PORRA COM VOVO ME PUXANDO DEITADA ENCIMA DELE PEDINDO CALMA ENQUANTO VIRAVA MINHA CABEÇA PARA BEIJAR MINHA BOCA E LAMBER AS LAGRIMAS QUE ESCORRIA EM MINHA FACE COM ELE ALISANDO MINHA BARRIGA DANDO MAIOR ATENÇAO PARA MEUS SEIOS E SENTIDO ELE MEIO MOLE DENTRO DE MIM APROVEITEI PARA PULAR ENCIMA DE TUDO AQUILO ENQUANTO ELE SEGURANDO ME PELA CINTURA CADENCIAVA A CAVALGADA FAZENDO ME ESTREMECER EM GOZADAS ALUCINANTES COMIGO JÁ NÃO IMPORTANDO COM A DOR PORQUE O PRAZER ERA IMENSAMENTE MAIOR E AJUDADA POR VOVO QUE ME SOCAVA CADA VEZ MAIS FORTE ENCIMA DE TUDO AQUILO GOZAMOS JUNTINHOS COM ELE ELOGIANDO MINHA PERFORMANCE AVISANDO QUE ERA PUTINHA IGUAL A IRMA E QUE DORAVANTE IA ME COMER QUANDO E ONDE QUIZESSE IGUAL COME MINHA IRMAZINHA.

ESTAVA AINDA DENTRO DE MIM JÁ TODO MOLE ME AGRADECENDO PORQUE CONSEGUI FAZER ELE DAR DUAS DIRETO QUANDO OUVIMOS O BARULHO DO PORTAO SE ABRINDO E QUANDO AS MENINAS ENTRARAM EM CASA RAQUEL ME ENCONTROU SENTADA NO VASO SANITARIO TODA MOLE DESPENTEADA E COM VARIAS MARCAS VERMELHAS NO CORPO E SE ABAIXANDO EM MINHA FRENTE FEZ ME CONTAR TUDO O QUE ACONTECEU FICANDO MUITO FELIZ POR TER VIRADO MULHER COM O MESMO HOMEM QUE A FEZ TAMBEM E ME BEIJANDO MUITO PEDIU QUE TOMASSE BANHO ME DANDO UM ANALGESICO E A PILULA DO DIA SEGUINTE PARA EVITAR FUTUROS ABORRECIMENTOS SEGUNDO ELA APÓS ME AJUDAR A ME TROCAR FOMOS PARA A COZINHA ABRACADINHAS PARA ENCONTARAR A FAMILIA REUNIADA PARA JANTAR COM VOVO NÃO CONSEGUINDO TIRAR OS OLHOS DE NOS PORQUE EU USAVA UM SHORTINHO BRANCO DE SEDA TODO ENFIADO NO CU DEIXANDO O CONTORNO DA BOCETA BEM SALIENTE E UM TOP TAMBEM BRANCO E DESCALÇA ENQUANTO MINHA IRMA USAVA UMA MINI SAIA JEANS COM UM FIO DENTAL PRETO E MINI BLUSA.

MAMAE FALTOU POUCO NOS AGREDIR AVISANDO QUE ESTAVAMOS VESTIDAS COMO PUTAS ENQUANTO VOVO E PAPAI NOS DEFENDIA E ENQUANTO NOS OBRIGAVA A IR NOS TROCAR CORRI SENTANDO NO COLO DE PAPAI SENTINDO SEU PENIS CUTUCAR MINHA BUNDINHA DE TAO DURO QUE ESTAVA NO MESMO TEMPO QUE MAMAE ME EMPURRAVA PARA O QUARTO JUNTO COM MINHA IRMA PARA NOS TROCAR.

ENQUANTO NOS TROCAVAMOS MINHA IRMA DISSE:

- ESSA VACA NÃO SABE SER FELIZ NEM DEIXA AGENTE SER. ACHO QUE É PORQUE PAPAI NAO TÁ DANDO O QUE ELA QUER; PUTA.

SEM FALAR NADA COLOQUEI UMA CAMISETA QUE DÁ POUCO ACIMA DOS JOELHOS E MINHA IRMA UMA BERMUDA E ANTES DE SAIR DO QUARTO MINHA IRMA FALOU:

- VAMOS FICAR AQUI E QUANDO A VACA DA MAMAE VIRE NOS BUSCAR A GENTE A AGARRA E FAZ AMOR BEM GOSTOSO COM ELA TOPA?

APESAR DE SENTIR A BOCETA QUEIMAR DE DESEJO COM OS MAMILOS DURINHOS DENUNCIANDO MEU TESAO ACHEI MELHO NÃO ALEGANDO SER MUITA OUSADIA E FALTA DE RESPEITO DE NOSSA PARTE E VOLTANDO PARA A COZINHA ENCONTRAMOS PAPAI E MAMAE DISCUTINDO NA ENTRADA DO QUARTO E ENTRE ESTA OUVI MAMAE FALANDO PARA PAPAI ALGO SOBRE O VOLUME EM SUA CALÇA ENQUANTO EU E MINHA IRMA AGARRAMOS OS DOIS PEDINDO DESCULPAS VOLTANDO PARA A MESA AGORA EU MINHA IRMA VESTIDA DECENTEMENTE SEGUNDO ELA.

NAQUELA MESMA NOITE ENQUANTO TODOS DORMIAM VOVÕ TOMOU O REMEDINHO E SEGUNDO ELE ATE PROCUROU VOVÕ QUE ALEGOU ESTAR CANSADA E ENQUANTO DORMIA ELE VEIO PARA NOSSO QUARTO ONDE SÓ NÃO COMEU E MINHA IRMA PORQUE JÁ NÃO AGUENTAVA MAIS ALEGANDO QUE SOMOS PUTAS DEMAIS PARA ELE E QUANDO SAIU DO NOSSO QUARTO COM O DIA AMANHECENDO DEIXOU EU E MINHA AMADA NOS AMANDO JURANDO SER PARA SEMPRE.

ESSE NOSSO NAMORO DUROU SEIS ANOS POREM QUANDO MINHA IRMA SE APAIXONOU POR UM CARINHA FIQUEI FELIZ SABENDO QUE MINHA FELICIDADE E VER ELA FELIZ MESMO PORQUE JÁ COM O CASAMENTO MARCADO NÃO TRANSAMOS MAIS COMO NAMORADA POREM FAZEMOS AMOR COMO DUAS IRMAS QUE SE AMAM LOUCAMENTE.

QUANTO A MIM ESTOU NUM RELACIONAMENTO SERIO E APESAR DELE FORÇAR A BARRA NÃO ESTOU QUERENDO CASAR POR ENQUANTO MESMO PORQUE ANTES DISSO QUE RO CATAR MAMAE QUE DESDE AQUELE DIA QUE MINHA IRMA FALOU DELA VENHO A OBSERVANDO E APESAR DE SEU QUARENTA E SEIS ANOS DA DE DEZ EM NOS OU EM QUALQUER MENININHA DEVIDO A SUA BELEZA SIMPATIA E GOSTOSURA E SÓ AINDA NOA TRANSAMOS PORQUE FALTA UM POUCO MAIS DE OUSADIA DE MINHA PARTE PORQUE JÁ TROCAMOS BEIJINHOS E ATE ALISEI SUA XANINHA POR CIMA DA CALÇA COM ELA TODA RECEOSA ALEGANDO SER PECADO POPREM SEMANA QUE VEM TENHO CONSULTA MARCADA E ELA VAI ME LEVAR PORQUE FAREI EXAME DE VISTA E COM CERTEZA TEREI OS OLHOS DILATADOS E ASSIM TENCIONO PEGAR ELA DE JEITO E LEVA LA NEM QUE FOR A FORÇA PARA UM MOTEL QUE BEM CONHEÇO E QUANDO ISSO ACONTECER PROMETO ESCREVER CONTANDO.

BEIJOS MELINE


#7797 Comentários - 07-12-2013 - 12:26 AM por joana andrade - Incesto - Confirmo, É EXCITANTE (18) - Nota negativa! (2)
Adicionar aos Favoritos
Enviar a um Amigo
Este conto já foi visto antes

Contamos com a sua decisão. Você leu a totalidade deste conto? Gostou? Não?

Agradecemos que faça a sua votação. Clique num dos links em cima.
Clique em "Confirmo, É EXCITANTE" se gostou do conto ou clique em "Nota negativa" se não gostou. por favor faça-o em consciência. Obrigado pela sua participação.

Comentários dos usuários:

Nota: O site Contos Eróticos (contoseroticos.mundopt.com) não se identifica com os comentários aqui publicados. Os comentários são da inteira responsabilidade dos seus autores e podem ser removidos sem aviso prévio. Se você encontrar aqui algum comentário que considere que ultrapassou todos os limites, por favor clique no link "Relatar" para o reportar à administração. Obrigado.